Publicidade
Esportes | Novo Hamburgo Anilado

Noia ajusta protocolo para retomar atividades no Estádio do Vale

Prefeitura hamburguense solicitou alterações no documento enviado pelo clube

Por Gustavo Henemann
Última atualização: 29.06.2020 às 19:30

Atividades no Estádio do Vale ainda não foram liberadas pela Prefeitura Foto: Adilson Germann/ECNH
O Estádio do Vale ainda não está liberado. Nesta segunda-feira (29), o Novo Hamburgo recebeu a resposta da Prefeitura sobre o protocolo sanitário enviado no dia 16 de junho para retomada das atividades, e conforme a assessoria de imprensa do clube, o Noia precisou fazer alguns ajustes no documento. Nesta terça-feira (30), o médico anilado Paulo Bergamin deve assinar novamente o protocolo, com as alterações no texto, para que seja reenviado para reavaliação da administração municipal. 

A Prefeitura teria solicitado apenas o detalhamento em relação aos treinos, como a quantidade específica de jogadores por grupo de trabalho (sete atletas seria o número máximo permitido), e esclarecimento de como seriam feitos os testes para a Covid-19 - clube recebeu 100 exames da Federação Gaúcha de Futebol (FGF).  

CONTEÚDO ABERTO | Leia todas as notícias sobre coronavírus

Sobre contratações de jogadores e comissão técnica, o Noia ainda aguarda pela data oficial da retomada do Campeonato Gaúcho. Antes disso, o clube não deve anunciar novidades sobre o futebol. A expectativa fica para o resultado da análise do governo estadual ao protocolo da FGF, que pode sair ainda nesta semana, conforme informou o governador Eduardo Leite. No entanto, o chefe de executivo estadual reforçou que "o futebol não é prioridade".

O Gauchão está paralisado desde o dia 16 de março por conta da pandemia do novo coronavírus. 


Receba notícias diretamente em seu e-mail! Clique aqui e inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.