Publicidade
Opinião Opinião

Reforma fundamental

Por Cláudio Brito
Publicado em: 17.10.2020 às 15:00

Gente amiga, temos que pensar muito e agir com a cabeça posta a serviço da democracia no dia de votar. Virão dos votos a única solução e o único remédio possível para enfrentarmos e vencermos o caos político-institucional que experimentamos atualmente no país. Os brasileiros terão no voto o instrumento capaz de fazer a indispensável reforma. Não há outra saída. Vejamos o caso escandaloso envolvendo o senador Chico Rodrigues e o dinheiro desviado das verbas públicas da saúde em Roraima. O senador foi antes quatro vezes deputado federal, vice-governador e governador. Uma vida inteira só fazendo política e exercendo cargos pela via do voto, construindo equipes de trabalho cujo único compromisso sempre foi o de beneficiá-lo.

Pois Chico Rodrigues está afastado do Senado por noventa dias, por ordem judicial, do Ministro Luís Roberto Barroso, decisão ainda pendente de confirmação pelo Senado. Ficando de fora de seu mandato, Chico será substituído pelo filho, eleito seu suplente. Como é que pode? Tomara que isso dê certo, para conveniência de todos nós. Qualquer geração de benefícios indevidos e outras mazelas acabariam mais uma vez causando prejuízos irreparáveis à cidadania. Chico foi apanhado com dinheiro escondido na cueca, surrupiado das verbas públicas da saúde, o que pode caracterizar, a meu sentir, conduta análoga ao cometimento de crime hediondo. Por tudo isso, o sistema precisa ser modificado por nós, usando o dedo na tecla certa, na hora de votar. Façamos assim em 15 de novembro, votando em quem realmente mereça a nossa confiança. E quando for de novo a hora de votar para o Senado, não aceitemos votar em alguém que apresente para a suplência um filho ou outro apaniguado mal intencionado.

Alto lá! Vamos sim mexer na política, fazendo a melhor seleção na hora de votar. Estejamos atentos e ligados em tudo que diga respeito às propostas de cada partido e seus candidatos. E examinemos detidamente o passado dessa gente. Então, com esses cuidados obedecidos com muita atenção, estaremos promovendo e efetivamente realizando a grande reforma fundamental, redesenhando a estrutura organizacional e institucional do país, em todos os níveis.

E assim, um dia, não existirão mais os picaretas escondedores de dinheiro público, seja nas cuecas ou nos cofres impuros que resguardam o produto sujo de suas roubalheiras.


O artigo publicado neste espaço é opinião pessoal e de inteira responsabilidade de seu autor. Por razões de clareza ou espaço poderão ser publicados resumidamente. Artigos podem ser enviados para opiniao@gruposinos.com.br


Quer receber notícias como esta e muitas outras diretamente em seu e-mail? Clique aqui e inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.