Publicidade
Cotidiano | ABC Pra Você | Decoração Dicas para o veraneio

Saiba quais são os cuidados que se deve ter antes de alugar casa na praia

Desconfie de quem esteja oferecendo imóveis na calçada, sem ponto comercial fixo, e de ofertas tentadoras

Publicado em: 12.01.2021 às 06:00

Sunset scene by the infinity and a beauty view of the bay in Miami

Para que as férias não se transformem em um período de estresse ao invés de descanso, algumas precauções devem ser tomadas antes de alugar uma casa de veraneio.

O primeiro cuidado é procurar uma imobiliária ou um corretor credenciado. Desconfie de quem esteja oferecendo imóveis para alugar na calçada, sem ponto comercial fixo. Se houver alguma desconfiança, verifique se o corretor de imóveis ou a empresa possuem número de registro no Conselho Regional de Corretores de Imóveis (número de Creci).

Além disso, é importante ressaltar que o fornecedor é obrigado a cumprir com a oferta feita. Assim, se as condições da casa forem diferentes do que foi prometido, o locatário tem o direito de exigir a devolução do valor pago, como garante o artigo 35 do Código de Defesa do Consumidor. Para tanto, o inquilino precisa desistir de ficar no imóvel. Se optar por permanecer no local, o consumidor pode negociar um abatimento no preço, proporcional à queda na qualidade das características ofertadas.

Dez pontos que devem ser observados:

1 - Tenha cuidado com pessoas que ofertam imóveis nas vias públicas, sem escritório estabelecido. Muitas vezes não possuem qualquer relação de compromisso com o veranista, o que pode gerar dores de cabeça futuras.

2 - Escolha um corretor de imóveis ou imobiliária devidamente habilitado junto ao Creci/RS. É importante verificar se o corretor de imóveis ou imobiliária possuem número de registro no Conselho Regional de Corretores de Imóveis (número de Creci). Tal informação pode ser obtida no site www.creci-rs.gov.br ou com a Fiscalização do órgão, pelo telefone (51) 3103-9300.

3 - Desconfie de preços muito abaixo do valor de mercado. Este pode ser indício de golpe ou algum problema na oferta imobiliária.

4 - Não aceite pressões. Suspeite se houver pressa para que o depósito seja feito.

5 - Lique para ter certeza. Estranhe se o anunciante não aceitar atender a ligações: é comum golpistas estarem dentro de presídios.

6 - Não pague nada adiantado. Não realizar nenhum pagamento antes da confirmação de existência do imóvel.

7 - Vá até o imóvel. Preferencialmente, visite a casa ou apartamento antes de alugar.

8 - Analise fotos recentes. Se não for possível fazer a visita, o interessado deve solicitar ao corretor de imóveis imagens recentes condizentes com a realidade do imóvel de interesse.

9 - Contrato de locação é imprescindível. É importante a celebração de contrato, onde devem constar as datas de entrada e saída do inquilino, o valor a ser pago, a forma de pagamento, eventuais multas no caso de atraso, depredação ou desistência de uma das partes, o número de pessoas que vão se hospedar e a descrição dos utensílios, eletrodomésticos e eletrônicos à disposição do locatário. O documento deve ainda especificar quem ficará responsável pelo pagamento das contas durante o período de locação.

10 - Avalie o imóvel na entrada. Ao chegar ao imóvel, o locatário deve fazer uma inspeção para verificar se tudo está de acordo com o designado em contrato. Caso haja algum dano, como um vidro quebrado, eletrodoméstico que não funciona ou chuveiro queimado, o fato deve ser prontamente informado ao locador.

Fonte: Creci-RS


Receba notícias diretamente em seu e-mail! Clique aqui e inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.