Publicidade
Notícias

Megaloja em Campo Bom fica para o ano que vem

A previsão da Redefort é de que a obra esteja pronta em março próximo, mas prazo ainda pode mudar

Por Bruna Matana
Publicado em: 26.10.2020 às 11:00

Depois de pronto, o empreendimento contará com 9,8 mil metros quadrados de área Foto: Divulgação/Redefort
A inauguração da megaloja da Redefort em Campo Bom ficará para 2021. A previsão inicial era de que a obra fosse entregue no segundo semestre deste ano, mas, segundo o diretor-executivo da Redefort, Joeci Hercilio, devido à pandemia, ocorreram atrasos no projeto. "Tivemos atrasos nas entregas, com questões legais e também burocráticas. Por isso, a previsão é de entregarmos a obra em março, mas o prazo ainda pode mudar."

O prédio contará com dois espaços: um de atacado e outro de varejo no total de 9,8 mil metros quadrados, dos quais 3,5 mil para o varejo. "O investimento gira em torno de R$ 23 milhões, e compreende a parte estrutural e predial. Na parte frontal do prédio, será o varejo, com acesso pela RS-239, e contará com cerca de 220 vagas de estacionamento para carros e 30 para motos", destaca Hercilio.

Conforme o gestor, a previsão para o primeiro ano é de que o empreendimento gere em torno de cem vagas de empregos. "As vagas serão exclusivamente no novo empreendimento Atacarejo, pois, no atacado, a estrutura atual será mantida com poucas alterações no início. Serão vagas na área administrativa e na operação da loja."

Nos fundos do prédio vai funcionar o atacado, que será o centro de distribuição de mercadorias para os mais de 300 mercados da Redefort que operam no Rio Grande do Sul. Para acesso aos fundos da construção, a prefeitura vai abrir uma nova via, ligando a Rua João Lampert à Avenida Carlos Strassburger Filho.

O prefeito de Campo Bom, Luciano Orsi, ressalta que é um investimento importante que a empresa está fazendo. "E o município está adequando sua estrutura para facilitar o acesso ao espaço. Será uma distribuidora das próprias lojas da Redefort, além de ter o varejo local. Vai gerar muitos empregos e trará recursos para o município."

Trânsito

Conforme o secretário de Obras de Desenvolvimento Econômico de Campo Bom, Airton Schaefer, a obra de abertura da rua está orçada em R$ 3 milhões e consiste em reforço em rachão, pavimentação, drenagem, sinalização viária horizontal e vertical e também a implantação de uma rotatória. "Essa é uma rua que já existia projeto para ser aberta. A obra já está em andamento e deve estar pronta no início do ano de 2021. Além de contribuir com o acesso ao novo estabelecimento, essa obra beneficiará diversas empresas do entorno, pois essa é uma zona industriária, além de melhorar o fluxo do trânsito."


Receba notícias diretamente em seu e-mail! Clique aqui e inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.