Publicidade
Notícias | Região Comoção

Amigos fazem vaquinha para ajudar família de motorista morto em briga na RS-240

Corpo de Otávio Frota Júnior, 46 anos, será sepultado na tarde desta quarta-feira (7) no Cemitério Santa Casa, em Porto Alegre

Por Renata Strapazzon
Publicado em: 07.04.2021 às 11:27 Última atualização: 07.04.2021 às 11:51

Corpo de Otávio Frota Júnior, 46 anos, será sepultado na tarde desta quarta-feira (7) no Cemitério Santa Casa, em Porto Alegre Foto: Reprodução
Ainda consternados com a morte trágica do produtor musical e motorista de aplicativos Otávio Frota Júnior, 46 anos, amigos e conhecidos decidiram criar uma vaquinha para auxiliar a família nos gastos com o funeral e outras despesas. Frotinha, como era conhecido, morreu na manhã de terça-feira (6) depois de se envolver em uma briga de trânsito na RS-240, em São Leopoldo. 

O fato aconteceu na altura do bairro Scharlau. Segundo o Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), Frotinha esperava na alça de retorno, quando teve a traseira do automóvel Toyota Etios colidida por um caminhão de carga. Ele então teria descido do veículo e subido na cabine do caminhão. O motorista do caminhão teria feito um movimento brusco, causando a queda dele, que acabou sendo atropelado. Ele morreu no local. 

Sem poder trabalhar no ramo das festas e entretenimento por conta da pandemia, Frotinha encontrou na função de motorista de aplicativos uma alternativa para manter o sustento da família.

Conforme o amigo Miguel Dagnino, Frotinha era pai de três filhos, entre eles um bebê de um ano. "Por isso, nós, amigos e pessoas que trabalharam com ele, resolvermos criar a vaquinha, para bancar os custos com o funeral e dar um pouco mais de conforto para a família", conta Dagnino.

Segundo ele, a vaquinha não tem meta estipulada. Até a manhã desta quarta-feira (7) já haviam sido arrecadados mais de R$11,7 mil. Interessados em ajudar podem acessar através do link http://vaka.me/1970827

"Ele era um cara muito querido. Tinha muitos amigos. Quando amputou a perna por conta da diabetes, também fizemos uma vaquinha para comprarmos uma prótese mecânica leve e resistente, da maneira como ele queria", lembra Dagnino.   

Sepultamento em Porto Alegre

O corpo de Frotinha está sendo velado na Capela 5 do Cemitério Santa Casa, em Porto Alegre. O sepultamento está marcado para as 17 horas desta quarta-feira (7). 

Homenagens

A morte de Frotinha causou comoção sobretudo no meio artístico e carnavalesco. Entre os anos de 2001 e 2008 ele havia sido rei momo do carnaval de Porto Alegre. Ultimamente, antes da pandemia, ele trabalhava como produtor musical do funkeiro MC Jean Paul. 

"Ainda não estou acreditando que você se foi. Tive que ir até o local para te ver. E era verdade . Meu braço direito, meu amigo se foi. Está doendo muito irmão... venceu em tudo. Passou por vários desafios de doença, e veio morrer dessa forma. Tem coisas que não tem como entender. Agora vamos buscar forças para a família, os filhos. Sempre estaremos juntos... junto minhas mãos em oração", escreveu o MC em seu Facebook. 

 

O ator Cris Pereira também prestou homenagem à Frotinha. "E como fica agora aquela farra que tu fazia sempre quando me encontrava? E as mensagens soltas que transbordavam amor pra mim, pro meu trabalho, minha família e minhas escolhas? Como fica agora Frotinha? Levaram esse irmão de alma e coração da forma mais insana, brutal, inacreditável ... enfim, não deixaremos assim meu amado, não mesmo. A tua farra, mensagens e votos de amor virarão orações e guardarei as mais lindas lembranças de uma amizade intensamente sincera, mesmo não conseguindo nos ver o tanto que queríamos e desejávamos. Te amo Frotinha e tu sabe o tanto. Seguiremos aqui auxiliando e cuidando de quem tu zelava e amava", postou. 

Caminhoneiro preso em flagrante

O caminhoneiro envolvido na discussão, um homem de 30 anos, acabou preso em flagrante por homicídio doloso. Ele, que havia fugido do local do acidente, acabou se apresentando no posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) da cidade instantes depois.

"De acordo com relato das testemunhas, ouvidas ontem (terça-feira), ele foi perseguido por um Palio branco, ainda não identificado pela Polícia Civil, por aproximadamente cinco quilômetros e, já que não possuía mais possibilidade de fuga, resolveu encostar no posto da PRF. Depois foi conduzido até o local do crime. Por esta razão, aliado às análises de imagens de câmeras de monitoramento de uma empresa, foi lavrado o Auto de Prisão em Flagrante, já que claramente foi afastada a espontaneidade da apresentação", frisa a delegada da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DPHPP), Isadora Galian, que investiga o caso. 

Conforme ela, o caminhoneiro foi preso por homicídio doloso, por dolo eventual (quando o autor do fato assume a possibilidade de matar a partir de seus atos, apesar de não ter a intenção direta). O flagrante foi devidamente homologado pela juíza de plantão e o pedido de prisão preventiva, representado pela delegada Isadora, ainda será analisado.

O laudo com a causa da morte de Frotinha deverá ser emitido pelo Instituto-Geral de Perícias em até 30 dias. 


Quer receber notícias como esta e muitas outras diretamente em seu e-mail? Clique aqui e inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.