Publicidade
Opinião Opinião

Da paixão ao amor

Por Mauro Blankenheim
Publicado em: 14.09.2021 às 03:00

A transição da paixão ao amor é tão difícil quanto encontrar alguém. Construir uma relação. Como chegar ao amor sem passar pela paixão? Ela às vezes acontece simultaneamente. Outras vezes abre caminho para a edificação do amor, dando lugar a ele e desaparecendo suavemente. Você nem nota quando deixa de estar enlouquecido pela pessoa que já simplesmente, ama.

Complicado mesmo é descobrir que seu relacionamento não contém mais aquele veneno da paixão. Ele que agora anda embalado pelo amor, seja ele de qual esfera for: ágape, filo, ero, o escambau. O importante é que dessa volúpia inicial em estar com a pessoa amada, você se conforte com o novo timbre da relação, mais tranquilo, suave, refinado até. Não haverá mais arroubo e chamas ardentes. Eles serão substituídos pela parceria, pelo companheirismo (temo essa palavra, esse sentimento), pela delicadeza de estarem juntos, como se diz hoje, "tamo junto".

Você segue sendo um só com ou sem sua cara-metade, sua metade da laranja, porque afinal um dia resolveram se unir, se unificar, virar uma célula una, em lugar de duas. Juntar as escovas que hoje, mais escovam os implantes.

Tomara que você sempre possa tirar das fases mais surpreendentes da vida, o que elas trazem de melhor. O sumo de uma existência saudável psicológica e espiritualmente, que lhe permitirá navegar em águas calmas e doces, até que a hora de partir se avizinhe. Essa hora de partir seja ela repentina ou demorada, também não é o pior. Como disse o apóstolo Paulo, "para mim, morrer é lucro". Tudo, tudo é apenas uma questão de ponto de vista.

Então, vamos aproveitar a fase da parceria e do companheirismo! Como disse um amigo meu, "é tempo de sentir o perfume das flores".


O artigo publicado neste espaço é opinião pessoal e de inteira responsabilidade de seu autor. Por razões de clareza ou espaço poderão ser publicados resumidamente. Artigos podem ser enviados para opiniao@gruposinos.com.br
Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.