Publicidade
Botão de Assistente virtual
Opinião Coluna

Polícia não é bandido

Por Nando Gross
Publicado em: 07.05.2022 às 07:00 Última atualização: 08.05.2022 às 14:40

A sociedade gaúcha exige que a Brigada Militar esclareça o mais rápido a atuação dos policiais do 11º Batalhão de Polícia Militar no jogo entre São José e Brasil-Pel. O Ministério Público vai acompanhar a investigação. Já se passaram seis dias e até agora não foram esclarecidas as circunstâncias que levaram Rai Duarte, torcedor do Brasil, a passar por três cirurgias e precisar ser internado na UTI no Hospital Cristo Redentor, em Porto Alegre. Ele permanece entubado. Quando foi levado pelos policiais, estava em perfeito estado de saúde e caminhava normalmente. O que aconteceu então? Qual a responsabilidade dos policiais e o que a BM está fazendo para informar o que aconteceu? É fundamental esclarecer.

Alguém para fazer gol no time de Mano Menezes

Não há dúvidas de que o time de Mano Menezes tem um desempenho infinitamente melhor do que tinha o de Alexander Medina, mas há um problema sério que o Colorado está enfrentando: a dificuldade para marcar gols. Esta é uma deficiência que está se escancarando mais ainda agora porque o time joga de forma ofensiva, cria situações, mas não consegue definir. Foi assim contra o Avaí e depois contra o Guaireña, no Paraguai. Não se trata de questão coletiva, porque as situações aparecem, neste caso é jogador mesmo.

Rodrigo Dourado volta com força no Inter

Rodrigo Dourado parecia arquivado no Inter e a maioria já dava o seu ciclo no clube como encerrado. Acontece que, depois de um período na reserva e relegado a um segundo plano na composição do time, Dourado voltou a receber oportunidades e entra outra vez na disputa por uma vaga na equipe titular do Colorado, tanto ao lado de Gabriel ou no seu lugar, dependendo do esquema tático escolhido pelo treinador. Rodrigo Dourado vem entrando nos jogos e justificado esta dúvida na cabeça de Mano Menezes, devido as suas boas atuações.

Roger achou o caminho no Grêmio

Roger parece ter encontrado o equilíbrio necessário para tranquilizar o ambiente gremista e conduzir o time de volta à Série A. Sem jogar um futebol exuberante, algo que parece ser impossível na Série B, Roger dá a impressão de ter encontrado um modelo de jogo que vem lhe dando os resultados necessários para ganhar tempo e, aí sim, tentar aprimorar a qualidade da equipe. Um jogo sem riscos, esta é a ideia.

Comunicado e nota oficial no futebol

Os clubes gaúchos optaram por um modelo de comunicação onde o torcedor recebe o mínimo possível de informações sobre os jogadores. Com a desculpa de "os tempos são outros", hoje ninguém mais esclarece nada, muito menos os médicos vêm a público explicar o que está se passando com os atletas, algo que era corriqueiro e o mais importante: transparente. Hoje é o modelo "nota oficial" e "comunicado".

Quando Guardiola se atrapalha...

O Manchester City perdeu uma classificação à final da Champions League que vai demorar muito para o torcedor esquecer. O time inglês estava com a vantagem e o jogo estava encerrando, quando o Real Madrid, em dois minutos, virou a história. O City foi muito melhor, deixou de matar o jogo várias vezes, mas não o fez e diante de um Real Madrid é proibido isso. Guardiola também errou nas trocas e o City perdeu.

Ninguém informa nada na Dupla

Ninguém sabe a situação de Ferreira no Grêmio, talvez nem o departamento médico, afinal, mesmo sendo jogador da base, Jean Pyerre descobriu um câncer em apenas dois dias de exames na Turquia, algo que o Grêmio não sabia. Mas os médicos não explicam e as dúvidas continuam. Por que Douglas Costa só entrou em forma quando estava saindo? E no Inter, por que Taison não consegue ter sequência?


O artigo publicado neste espaço é opinião pessoal e de inteira responsabilidade de seu autor. Por razões de clareza ou espaço poderão ser publicados resumidamente. Artigos podem ser enviados para opiniao@gruposinos.com.br
Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.