Publicidade
Botão de Assistente virtual
Opinião Opinião

Perdão, irmãos!

Por Delmar Backes
Publicado em: 25.05.2022 às 03:00

Sim, perdão leão, cachorro, urubu, gambá etc. Notícia: "Acerto com o Leão foi prorrogado até o final de maio". Com o leão verdadeiro, a negociação seria fácil, pois bastaria matar-lhe a fome. Com certeza, não teria gastos enormes com desvios e corrupção. Não cobraria mensalmente tributo de pais que recebem pouco mais de 2 mil reais para sustentar a família. Não é exatamente imposto de renda, mas de salário.

E as grandes fortunas? O leão tem a virtude de proteger os filhotes, com unhas e dentes. Penso que haveria mais igualdade e não aceitaria privilégios. Seria um guardião sincero e respeitaria territórios. Infelizmente, é usado e injustiçado pelos insaciáveis "leões" não verdadeiros. Temos o mau hábito de terceirizar nossos defeitos. Muitos animais são vítimas. "Cuidado com esse sujeito, ele é cachorro". Como assim? Caluniando o nosso melhor amigo e fiel companheiro! "Eles estão na espreita como urubus, abre os olhos". Esse alerta é um engano. O urubu não faz mal a ninguém. Não mata, nem torce contra. É desprestigiado por ter hábitos alimentares necrófagos. Apenas observa, se há possibilidade de alimentar-se. Um verdadeiro gari dos céus.

"Ficou valente, quis bater em todo mundo. É um gambá irremediável". Nada a ver. Desqualificamos e perseguimos nosso bichinho simpático, pacífico, que carinhosamente carrega consigo seus filhotes. Particularmente, gostaria de ver um "bebum" caminhar sobre um muro de um palmo de largura. O gambá consegue fazê-lo.

Tentamos ofender os outros, chamando os de vaca, que é "gente" boa, tranquila, uma verdadeira benfeitora. Ou de burro, um trabalhador explorado e inteligente. E assim também muitos outros irmãos que convivem conosco. Não é correto usá-los para participarem dos nossos defeitos.


O artigo publicado neste espaço é opinião pessoal e de inteira responsabilidade de seu autor. Por razões de clareza ou espaço poderão ser publicados resumidamente. Artigos podem ser enviados para opiniao@gruposinos.com.br
Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.